terça-feira, 24 de maio de 2011

Mudanças...



Agora, as postagens estarão sempre aqui.



o/

sábado, 23 de abril de 2011

Vamos faze ovos de páscoa? Êbaaaa!!! \o/

Vamos lá então..
Eu estava meio em dúvida quanto a qualidade de chocolate que compramos...não conhecia a marca( '¬¬ ...quem vê pensa que é a graças a Deus e graças tb à minha assistente: @nathalyalberti , minha filhota fofa.
(Mãe coruja...rs)
Como fazer então?
Primeiro, os materiais:



Ingredientes :

Chocolate ao leite (Eu comprei desta marca mas vc pode comprar da sua escolha. Comprei 1kg branco e 1kg preto);



Utensílios:



Moldes de acetato (Vc encontra em lojas de artigos de festa. Na época, paguei super baratinho...usei até para trabalhinhos da faculdade...não era para este fim.Acabei guardando e só usei agora .Para vc ter uma idéia, uma delas, paguei R$0,60);



Panela



forma ou refratário (Com água morna)



Panela para esquentar a água)



Papel alumínio ou papel manteiga



Plásticos fofos para embalar e fitas.



Tábua de carne (Essa eumuso apenas para fazer esse tipo de docinhos...pra não pegar cheiro e gosto de outros alimentos como cebola, por exemplo)

Pica-se o chocolate...



Tanto o branco, quanto preto...já picadinho...coloca-se dentro de uma panela - aderente é melhor para se trabalhar... - e em baixo, ou uma forma de bolo...ou refratário de vidro com água, que esteja em temperatura um pouquinho abaixo do corpo.


Com uma espátula, vá mechendo até ...




...derreter totalmente...



...Comece a colocar, com a colher de sobremesa, o chocolate nos moldes.








(A única coisa que esquecemos : não demos o choque térmico no chocolate!


\o/


Graças a Deus, deu tudo certo mas, faça, tá?)


E como faz isso?


Pegue um pote de vidro coloque água temperatura ambiente e mecha a panela com o chocolate dentro desta água, até esfriar. Vai dar o choque. Pra que serve? Para, no manuseio do chocolate, que ele não derreta com facilidade.







Forre a geladeira com papel manteiga ou papel alumínio.Coloque o ovo já nos moldes para baixo.



calma!Ainda não acabou!Deixe por 10 a 15 minutos na geladeira.Coloque novamente mais uma camada de chocolate e leve à geladeira de novo. (É interessante que você faça de três a quatro camadinhas , pra ficar com uma espessura boa , bonita, além de facilitar, na hora de desenformar.)Procure colocar o chocolate de maneira uniforme...sem deixar buraquinhos...







Retire da geladeira, e desenforme cuidadosamente...vc verá o vácuo no molde...vai saber que está desenformando.






Tharããããm!!!\o/



É claro que vc pode fazer ovos recheados...com frutinhas cristalizadas...com tanta coisa booooa!!!


Os nossos são bem simples mas, acho que ficaram maravilhosos...a @nathalyalberti disse que é só pra amanhã...


o__O


Tá certo, né...não me atrevo a mecher...rs


E aí, basta embalar!
















(Por dentro não ficaram lisinhos... a canseira apertou... afinal, foram 10 ovos, pô!!!rsChega uma hora que não se aguenta mais!kkk)Mas, estão com uma cara óóotema!)





Olha como ficaram fofos!!!rs

Até a próximaaaa!!o/


quarta-feira, 20 de abril de 2011

Trufa clássica




(Clique na imagem acima para ampliar)


Fontes aqui Outras receitinhas com chocolate aqui

Boa páscoa!

o/

terça-feira, 19 de abril de 2011

Bolo de fubá cremoso

Acima é o bolo que minha mamis fez.
Detalhe importante: Não deixe ficar dourando muito no forno.Qto mais ficar dourando, menos cremeno meio terá .(O legal do bolo é o creme...)






No liquidificador vão primeiro os secos - 1 xícara e meia de fubá, 2 xícaras de açucar e 2 colheres de sopa de farinha de trigo (cheias). Na sequência, 2 colheres de margarina, 4 xícaras de leite, 3 ovos e 1 pitada de sal. Depos de bater bem é só acrescentar 1 pacote de queijo ralado (100gr), raspas de limão e 1 colher sopa de fermento em pó, misturar bem, colocar em fôrma untada e enfarinhada e levar para assar em forno pré-aquecido.

O que precisa ser dito sobre esse bolo...

. o recheio cremoso vai ficar bem no meio do bolo e ele deve ficar mais molinho, lembrando mesmo um creme;
. não se assuste com a consistência do bolo quando você bater no liquidificador - ele fica bem líquido mesmo, feito um pudim, e você pode até pensar que aquilo não vai virar bolo nunca, mas vai, believe me;
. esse não é um bolo que cresce horrores... ele fica macio, mas não é daqueles tipos de bolo fofíssimos, que levam clara em neve, óleo e talecousa;
. o pulo do gato dessa receita, segundo a minha tia, é o tamanho da fôrma - o ideal é usar uma forma média (eu usei uma retangular nr. 2) e alta, porque se a fôrma for muito grande e baixa o creme de queijo não se separa legal;
. eu gosto desse bolo assim, cortado em quadradinhos, mas se você quiser usar uma fôrma redonda, tudo bem... só não esqueça que ela não deve ser muito grande;
. o bolo estará pronto quando estiver dourado, mas pode ser que no teste do palito ainda não saia completamente limpo - isso acontece por causa do creminho do meio.



Receitinha daqui

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Anatomia de um brigadeiro

Imagem daqui (Oie! Lembra da Anatomia de um bolinho que colocamos no blog?) Navegando pela net, encontrei bastante infrmações sobre o brigadeiro. Este livrinho fofo, por exemplo..ou a anatomia acima.


E-book do Brigadeiro Maneiro - da Bonofrati


(Faça o download do livrinho em PDF)


A parte histórica do pretinho: Segundo a Wikipedia... Brigadeiro, ou negrinho, é um doce brasileiro criado na década de 1940, comum em todo o país e normalmente presente nas festas de aniversário, junto com o cajuzinho e beijinho. Os ingredientes do brigadeiro são leite condensado, achocolatado em pó, manteiga e chocolate granulado para a cobertura. Pode ser feito tanto no fogão quanto no forno de microondas. O nome do doce é uma homenagem ao brigadeiro Eduardo Gomes[1], liberal, de físico avantajado e boa aparência. Nos anos de 1946 e 1950, o militar se candidatou à presidência da República pela UDN. O candidato conquistou um grupo de fãs do Pacaembu, bairro de São Paulo, que organizaram festas para promover sua candidatura. O doce foi criado durante a primeira campanha do candidato à presidência, pela conservadora UDN, logo após a queda de Getúlio Vargas. A guloseima feita de leite, ovos, manteiga, açúcar e chocolate tanto agradou que, numa das festas de campanha, foi feito o doce para arrecadar fundos. Há outras versões[2]bastante similares a essa sobre a origem do nome do doce: mulheres do Rio de Janeiro, engajadas na candidatura de Eduardo Gomes, faziam "negrinhos" que vendiam para ajudar o fundo de campanha; outros diziam que Heloísa Nabuco, de tradicional família carioca que apoiava o brigadeiro, criou um tipo de doce, ligeiramente diferente da versão atual, e o denominou com a patente do candidato preferido. Como as festas dos correligionários e cabos eleitorais eram muito disputadas pela população, estes logo começaram a chamar os amigos para irem comer o "docinho do Brigadeiro". Com o tempo o nome de "brigadeiro" acabou sendo dado ao doce (mais tarde feito com leite condensado). Apesar do apoio recebido, a eleição foi vencida pelo então general Eurico Gaspar Dutra[3]. (O brigadeiro mais convencional já fizemos, aqui ) Kiss me - recheio 100g de açúcar refinado 50g de água 120g de gemas de ovos de galinha caipira 10g de farinha de trigo 10g de manteiga sem sal Leve o açúcar e água ao fogo médio. Faça uma calda até 106ºC. Retire do fogo. Bata as gemas, previamente peneiradas, com a farinha de trigo. Una três colheres da calda, uma a uma, misturando bem. Junte a gemada à calda restante e volte ao fogo bem baixo. Mexendo até encorpar (abrir estrada- ponto similar à massa de brigadeiro). Fora do fogo, una a manteiga e misture bem. Retire da panela e deixe esfriar. Gele até ficar bem firme. Boleie com as mãos úmidas. Muitas receitas aconselham untar a mão com óleo, manteiga ou margarina, mas estes criam uma casquinha seca após algumas horas. Aconselho apenas umedecer as mãos com água. Para facilitar, boleie o kiss me e congele por 10 minutos antes de "encapar" com a massa de chocolate. Envolva o Kiss me com uma porção da massa de chocolate, esticada na palma da mão úmida. Enrolar bem. Passar em chocolate granulado (originalmente da marca Kopenhagen), e colocar em forminhas de papel, forradas com celofane. *Nicolas Appert desenvolveu a técnica de conservação denominada apertização (por volta de 1810). O leite condensado foi patenteado quase 40 anos depois. O doce Kiss me é mais antigo que a apertização e o leite condensado.



Brigadeiro de Amaretto:



197,5g de leite condensado (1/2 lata) 6g de manteiga sem sal 40g de Amaretto Amaretti esmigalhado Leve ao fogo, o leite condensado e a manteiga. Cozinhe em fogo baixo até engrossar, mexendo sempre. Una o licor Amaretto e continue mexendo até ponto de brigadeiro (abrir caminho). Troque de recipiente e deixe esfriar. Enrole e passe no biscoito Amaretti esmigalhado. Rende 15 unidades.



Fontes: Daqui Daqui Daqui Daqui Daqui

domingo, 10 de abril de 2011

Páscoa diferente

Bolo de palito!! Q fofura! Já ouvir falar? Parece ser facinhos de fazer!A gente ainda não tentou fazer...mas, não parece ter muito segredo. Colocamos uma receitinha abaixo mas, vc pode encrementar ...inventar ao seu gosto. Vamos ver algumas imagens:






Receitinha básica:


5 ovos ? 5 colheres (sopa) de açúcar ? 4 colheres (sopa) de farinha de trigo ? 2 colheres (sopa) de chocolate em pó ? 1 colher (sopa) de fermento em pó ? 180g de Nutella ? 200g de creme de leite ? 300g de chocolate ao leite fracionado ? palitos para sorvete


modo de preparo

Em um recipiente seco, peneire a farinha, o chocolate e o fermento. Reserve. Bata os ovos na batedeira de 5 a 10 minutos. Junte o açúcar aos poucos e continue batendo por 5 minutos. Desligue a batedeira e junte os ingredientes secos aos poucos, mexendo delicadamente. Coloque em assadeira untada (27 cm) e leve ao forno preaquecido a 280ºC por 20 minutos ou até que, ao enfiar um palito, ele saia limpo. Desenforme ainda morno e espere esfriar. Quando o pão-de-ló esfriar completamente, esfarele com as mãos ou com a ajuda de um garfo. Vá acrescentando o creme de leite (uma caixinha) e a Nutella (usei o pote inteiro). No fim, tem de botar a mão na massa. Misture com as mãos e faça bolinhas do tamanho de um brigadeiro. Coloque em uma assadeira forrada com papel manteiga ou alumínio e leve à geladeira por alguns instantes, apenas para endurecer. Enquanto isso, prepare o chocolate. Pique com uma faca e coloque em uma tigela de vidro. Derreta no micro-ondas ou banho-maria. Cuidado para não molhar o chocolate. Com a ajuda de duas colheres, banhe as bolinhas no chocolate, dê batidinhas para retirar o excesso, espete o palito e leve para secar em um pedaço de isopor. Joguei os confeitos antes de endurecer e leve um pouquinho para a geladeira para firmar. Caso não tenha o isopor, coloque as bolinhas na assadeira com papel-manteiga ou alumínio. Fiz algumas assim e não acho que comprometa o formato. Também fiz algumas sem palito e servi em forminhas de papel.





O que é ‘Chocolate Barks’?

Apesar de muito comuns nos EUA, no Brasil só são frequentes nas chocolaterias serranas, como as de Campos do Jordão. A fórmula é simples: chocolate, com mais chocolate e confeitos. Bem rústico. Dizem que foram inventados pelos chocolatiers para não perder as sobrinhas de chocolate das outras receitas… Se isso é verdade ou não, eu não sei, mas chocolate é sempre bom e a gente gosta! Ainda mais algo que você pode fazer em casa, sem gastar muito e sem utensílios especiais. Pode até colocar as crianças para ajudar. Rápido, divertido e colorido. E o melhor: feito com carinho, por você, para quem você gosta. ■1 quilo de chocolate meio-amargo ou ao leite ■Meio quilo de chocolate branco ■Papel vegetal ■Margarina sem sal para untar ■Confeitos, muitos confeitos Tempo 3 horas


O passo a passo tá daqui


quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Que tal ter um danbo?


Já falamos desta caixinha linda